domingo, 11 de novembro de 2007

Arrumações na Briga Pelo Poder Lajense...

O Tucanado lajense firma acordo político com o prefeito Neno e reforça por tabela a posição oposicionista do PT lajense. Relances da dinâmica política na nossa futura Princesa das Fronteiras!

O PSDB, partido do governador Téo Vilela, imerso na maior crise administrativa do Estado de Alagoas, desde 1997 ( Á Época do Suruagy), aliou-se ao governo municipal para a disputa no pleito do próximo ano. Certamente, quem vivenciou a movimentação política na última eleição em 2006, esperava por essa aliança, que se consolidou com a posse do filho do presidente do partido Engenheiro Marivaldo Coutinho, nosso amigo Kiko, na Secretaria Municipal de Agricultura. O PSDB também é o partido do vereador Edson Santos. Infelizmente, PT e PSDB na Laje, historicamente são inexpressivos em número de votos. O PT ainda elegeu Gilson Brito e o PSDB numca chegou nem perto disso.
Enquanto isso o PT do nosso presidente Lula, não decidiu ainda a quem apóiar, claramente. Na última reunião onde estiveram presentes o deputado estadual Paulão e o senhor Ricardo Valença (ex-superintendente da FUNASA), a pauta foi a eleição dos presidentes dos diretórios. Apesar do caráter eleitoral da reunião do Partido dos Trabalhadores, ficou evidente a aversão do apoio petista a recondução do prefeito Neno a Prefeitura Municipal.

No entanto o PT da Laje também tem suas inconsistências. O único vereador pelo partido Gilson Brito, nas últimas eleições esqueceu-se dos deputados petistas e pediu votos para Chico Tenório e Luís Pedro. (Isso é coisa de petista?) Lá estava ele, sem dar uma palavra, e o Ricardo Valença citando seu erro e agora anunciando sua reabilitação. Na verdade tá na cara que o o vereador aguarda no PT a chance de reeleição, caso não haja um candidato mais forte dentro do partido. O Drº Neto seria nesse caso uma ameaça, já que filiado ao PT, sempre bem votado, com serviços prestados na sociedade lajense, sua candidatura a vereador seria vitoriosa, levando consigo os votos da legenda petista. Gilson Brito enfrentaria duas eleições: dentro do partido e fora dele. Mas desses candidatos, qual deles tem perfil de petista? É exatamente esta falta de perfil do vereador Gilson Brito que tem feito os filiados ao PT calarem-se nas reuniões e comentarem nas conversas informais suas reais intenções. O PT tem excelentes filiados "candidatáveis" mas estes não têm mandato e nem recursos pra tocar uma campanha vitoriosa.
Só pra lembrar, os mesmos PT e PSDB na Laje, estiveram juntos nas últimas eleições municipais, apoiando o então candidato Dudui, da coligação O Futuro é Agora, formando o grupão com os partidos PP / PSL / PL / PSB . Por isso a relevância desta postagem no Blog Antonio Neto Século XXI.
Este mês marcou o regresso da senhora Carly Valença, irmã do vereador Henrique Valença, ao cenário político lajense, ela é a nova secretária de Assistência Social. Mais carismática do que qualquer outra mulher no governo municipal, foi uma importante junção ao governo Neno. Tomara que hajam ações sociais mais importantes e menos eleitoreiras...
Viva a Laje, um dia A Princesa das Fronteiras novamente!




Nenhum comentário: